Monitoramento

Monitoramento

Como foi mencionado neste artigo. Existem diversos dispositivos que contribuem para o monitoramento e obtenção de provas.

Vamos dar uma leve pincelada em alguns dispositivos que o Detive deve sempre possuir em mãos:

Detector de RF –  com a utilização de dispositivo; o detetive é capaz de encontrar lugares; ou objetos que esteja produzindo; ou enviando algum sinal de radiofrequência. Objetos presentes no ambiente; que possam estar produzido essas ondas de radiofrequência; propositalmente ou não.

Detectores:

Existem também detectores de RF, em tamanhos reduzidos, e de diferentes formatos, para que não chamem muita atenção.

Os detectores profissionais conseguem captar até mesmo ondas de celulares; porém o valor de compra desses detectores, é um pouco elevado.

Câmeras e Microfones

Esses podem ser implantados; ou utilizados na obtenção de provas; e ou informações; os mesmo podem ser utilizados disfarçadamente; no formato de uma gravata, caneta ou até mesmo como adaptador de tomada.

Pode-se encontrar também câmeras fotográficas em formato de óculos escuros; estas possuem excelentes resoluções de imagem.

Não compromete o Detetive durante a sua investigação.

Grampeamento de linhas telefônicas

Vale lembrar que o grampeamento clandestino é crime, neste caso o Detetive, deve possuir autorização por escrito do proprietário.

Rádios do tipo Walk Talk  

Esses rádios podem ser de grande utilidade quando; o Detetive se encontra em uma campana móvel com seu auxiliar, tornando-o anônimo.

Filmadoras  

Equipamentos que se fazem muito importantes; onde o Detetive; pode contar com esses dispositivos também disfarçados na forma de caneta, óculos escuros e etc.

O que também contribuem para discrição no decorrer da investigação, e não acabar prejudicando o trabalho do Detetive.

Software de monitoramento:

É importante; que o Detetive possua sempre um software de monitoramento de computadores; esses softwares se fazem extremamente necessários para o monitoramento.

Rastreadores:

Podem ser encontrados em diversos tipos e tamanhos, esses dispositivos geralmente necessitam de abertura de cadastro em seus servidores.

Na maior parte das vezes, esses cadastros tem um certo custo, porem um custo que vale a pena.

Existem modelos de tamanho mais reduzidos, que podem ser introduzidos em bolsas, celulares e etc.

O problema é que esses dispositivos necessitam de recarga de suas baterias interna, caso contrário os mesmos deixam de funcionar.

Também existem rastreadores de automóveis; onde os mesmos são conectados diretamente a bateria do veículo, e não é necessária a remoção do mesmo para recarga.